• Workshop
  • +
  • Workshop
  • +

Speech writing: como redigir um discurso

Jorge Sobrado

95110

Não valerá sempre uma palavra mais do que mil imagens? Haverá realmente factos capazes de vencer bons argumentos? Como é que discursos marcaram o curso da História e mudaram as convicções dos homens? Qual é o poder da retórica e como o podemos usar? Que regras clássicas e sugestões práticas seguir? Qual é o poder das histórias e das metáforas num discurso? Há uma arte de ter sempre razão?

Limpar

Não valerá sempre uma palavra mais do que mil imagens? Haverá realmente factos capazes de vencer bons argumentos? Como é que discursos marcaram o curso da História e mudaram as convicções da Humanidade? Qual é o poder da retórica e como o podemos usar? Que regras clássicas e sugestões práticas seguir? Qual é o poder das histórias e das metáforas num discurso? Há uma arte de ter sempre razão?

Com uma experiência profissional de mais de duas décadas em comunicação pública e política, Jorge Sobrado é um dos mais respeitados «spin doctor» portugueses. Assessor de imprensa e speechwriter de governantes, autarcas e altos dirigentes públicos, foi também autor de slogans e narrativas eleitorais e publicitárias. Mais recentemente, destacou-se no exercício de vereador da Cultura e Turismo de Viseu, onde fundou programas e projetos de cultura e património e uma estratégia vencedora de storytelling e promoção da cidade, tendo sido apontado pela imprensa como «ministeriável».

Programa

  1. Para que serve um discurso? A retórica e a logografia; as suas virtudes e polémicas, desde Platão e Aristóteles.
  2. Grandes discursos da História. O que aprendemos com eles? De Jesus Cristo a Martin Luther King. De São Paulo a Barack Obama.
  3. O maior poder da linguagem é a metáfora. O slogan na publicidade e o sound bite na retórica. As punchlines no discurso.
  4. O primado da palavra (e dos sentidos) sobre o PowerPoint. Agarrar o auditório pelos colarinhos.
  5. O discurso como campo de batalha e a «arte de ter sempre razão». De Sun Tzu a Arthur Schopenhauer.
  6. A estruturação do discurso. Arquitetura, princípios e técnicas clássicas.
  7. Racionalidade vs. Emocionalidade. A «informação» vs. a «mensagem». «Não duvides na razão do que não duvidas no coração».
  8. A preparação do discurso. Definir objetivos, conhecer a audiência, investigar antecedentes e local, encontrar «a boa história», ter os cuidados «pragmáticos».
  9. Storytelling. Encontrar «a boa história», as lendas e os imaginários culturais.
  10. O humor nos discursos. Vantagens e riscos. O caso Mark Twain.
  11. Cuidados a não esquecer. «Não há duas oportunidades para causar uma primeira boa impressão». Rematar ao coração — o call to action. O grand finale.

Quando

Datas: 18 de outubro a 8 de novembro de 2021 (segundas e quartas-feiras)
Horário: 18.30 às 20.30
Duração total: 12 horas

Pack Premium

  • Cicatrizes
  • Pan
  • Os Frutos da Terra
  • Mistérios
  • Diário da Guerra aos Porcos
  • Grandes Discursos da História

Pack Standard

  • Cicatrizes
  • Pan
  • Os Frutos da Terra
  • Mistérios
  • Diário da Guerra aos Porcos

Sobre o Especialista

  • Jorge Sobrado

    Licenciado em Comunicação Social, Jorge Sobrado tem dedicado a sua vida profissional a funções de assessoria de comunicação mediática e política e a serviços e projetos públicos de marketing territorial e desenvolvimento cultural e turístico. 

    Foi assessor de comunicação de vários políticos, governantes e altos dirigentes do Estado, tendo redigido discursos, declarações e artigos para ministros, secretários de Estado, presidentes da Assembleia da República e da Câmara Municipal. Concebeu e dirigiu ainda estratégias de comunicação de campanhas eleitorais. 

    Atualmente desempenha funções na CCDR-Norte e é professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

    Foi vereador da Cultura, Património, Turismo e Marketing Territorial do Município de Viseu (2017-2021) e adjunto do Presidente da Câmara Municipal de Viseu (2013-2017), exercendo as funções de assessor de imprensa e responsável de comunicação do universo institucional municipal. Antes, desempenhara funções de assessor de comunicação e imprensa de dois membros do Governo Português e de assessor da Presidente da Assembleia da República.

Shopping Cart
Scroll to Top